Postagens

Mostrando postagens de Junho 12, 2008

Taxi Driver, Martin Scorsese

Imagem
A violência e a paranóia das ruas de Nova York encarnadas na mente perturbada de motorista solitário

"Eu sou um homem solitário de Deus", diz Travis Bickle, ex-combatente do Vietnã que, aos 26 anos, não tem nada melhor para ocupar seu tempo do que assistir a filmes pornográficos em cinemas de terceira classe. Para sanar o vazio, ele se oferece para trabalhar como taxista em qualquer horário e passa as madrugadas rolando pelos becos mais obscuros de Nova York, sonhando em limpar as ruas dos negros, prostitutas, drogados e toda a sorte de (em sua visão) de desajustados. Uma espécie de versão urbana e moderna de Memórias do subsolo, do escritor russo Fiódor Dostoiévski, ele é resultado dos excessos da contra cultura: reacionário, obsessivo e anti-social.
Como os brutos também amam, Travis se apaixona por uma secretária do comitê de campanha do senador à Presidência (Cybill Shepherd). Só que sua falta de jeito é tão grande que no primeiro encontro ele a leva a um cinema pornô. A…