Postagens

Mostrando postagens de Outubro 30, 2008

Apocalypse now, de Francis Ford Coppola

Imagem
Limites da razão e do poder são temas centrais de um grande filme que teve produção carregada de problemas

O épico de Coppola costuma ser tratado como um filme de guerra ou como crônica sobre a malsucedida ocupação norte-americana no Vietnã. Mas seu próprio ponto de partida, a novela de Joseph Conrad, O coração das trevas, mostra que sua ambição não se resume a retratar uma guerra. Trata-se mais que tudo de um mergulho na alma humana, nos limites da loucura e do poder, na superação de obstáculos. Uma versão cinematográfica do texto de Conrad havia sido planejada por Orson Welles, mas nunca saiu do papel. O projeto que acabou sendo feito por Coppola circulou antes por vários estúdios, produtores e diretores (inclusive pelas mãos de George Lucas). Não poderia haver alguém mais adequado do que ele, acostumado, desde O poderoso chefão (1971), a rodar trabalhos grandiosos.
Só que rigorosamente nada deu certo durante a produção. As filmagens que ocorreram nas Filipinas, deveriam durar seis …