Postagens

Mostrando postagens de Abril 1, 2009

Gonçalves Dias, o primeiro poeta do Brasil

Imagem
Durante as já tão minhas faladas e mais ou menos produtivas férias do mês de janeiro, passei os olhos numa biografia que há uns cinco anos tive oportunidade de ler. Falo da biografia do escritor brasileiro Gonçalves Dias. O livro foi um dos volumes que saiu numa coleção intitulada "A vida dos grandes brasileiros" publicada pela IstoÉ com texto do autor Pedro Pereira da Silva Costa. Como é grande a literatura de Gonçalves Dias! E ainda maior parece ter sido sua vida. O amor que devotou a pátria em seus versos não parecia tanto com aquele poeta fingidor do qual falaria contemporaneamente Fernando Pessoa. Pelos traços biográficos seus, posso mesmo admitir que Gonçalves Dias realmente andava  e amava (por) essas paragens selvagens. A post de hoje dedica-se ao poeta maranhense.

Canção do exílio
Kennst du las Land, wo die Citronen blühn Im dunkeln Laub die Gold-Orangen glühn, Kennst du es who? – Dahin! Dahin! Möchtich… ziehn. Goethe
Minha terra tem palmeiras, Onde canta o Sabiá; As av…