Postagens

Mostrando postagens de Outubro 9, 2009

Ladrões de bicicleta, de Vittorio De Sica

Imagem
A dura realidade da Itália do pós-Segunda Guerra vista sob a ótica de um menino e de seu pai

Enquanto Roberto Rossellini é o grande mestre do neo-realismo italiano que surgiu em 1845, Vittorio de Sica é o pai de Ladrões de bicicleta, que se tornou um marco do movimento e que, mesmo após tanto tempo, comove os mais diversos públicos. Uma das razões do sucesso está na mistura de neo-realismo com melodrama, em que a força dos atores ganha relevo na história e a trilha sonora conduz as emoções.

No pós-guerra, sob a crise de desemprego, Antonio Ricci (Lamberto Maggiorani) busca uma ocupação para conseguir sustentar sua família. O cenário é a Itália nos anos imediatamente após a Segunda Guerra Mundial. A falta de emprego é generalizada, e a miséria faz os desempregados aceitarem qualquer biscate. Antonio consegue um trabalho, mas logo tem sua bicicleta roubada. Começará o calvário desse homem, que, acompanhado do seu pequeno filho, Bruno (Enzo Staiola), tentará resgatar o veículo.

O roteiro…