Postagens

Mostrando postagens de Maio 4, 2011

O advogado do diabo, de Morris West

Imagem
Por Pedro Fernandes
Foi visitando, esta semana, uma livraria, que me encontrei diante de um livro que fez parte da minha formação inicial de leitor. Foi reeditado pela Editora Record e se trata de O advogado do diabo, do escritor australiano Morris West. 

O encontro com esse livro e sua reedição cai em cheio em meio às discussões de canonização do papa João Paulo II anunciada esta semana. O pontífice está prestes a se tornar santo num processo que é o mais rápido na história da Igreja Católica. A razão dessa relação não é coisa distante. 

Em O advogado do diabo, seu autor explora de forma policialesca o interesse político que está por trás de um processo de santificação, quando o olhar ambicioso da Igreja (seja pelo viés capital que representa um novo santo, seja pela ressurreição da imagem da instituição) pode mexer em fatos históricos na fundação de conjunto de interesses escusos para o bem próprio.

O cenário do romance é um vilarejo miserável do sul da Itália nos primeiros anos após a…