Postagens

Mostrando postagens de Abril 13, 2012

Ler a Odisseia (Parte I)

Imagem
Devo retornar à questão primeira que postei em Letras in.verso e re.verso quando dei início à leitura da Odisseia, de Homero. Daniel Mendelsohn em recente entrevista ao The Browser responde à questão posta dizendo: “Quando eu chegar a minha velhice, a resposta para isso é que os clássicos são apenas bons.” Vou na contramão de Mendelsohn para dizer que, devo ainda está longe da velhice se pensar na idade que tenho hoje, mas que, voltando agora, já prestes a fechar a leitura do livro de Homero para dizer isso: os clássicos são bons. E é, sem falsa modéstia, os únicos que ainda conseguem ajudar a esse leitor que venho construindo desde que me colocava diante da leitura da Bíblia à volta dos meus catorze anos. 

Repete-se lendo a Odisseia o que vivi lendo Dom Quixote ou Grande sertão: veredas, para ficar apenas em dois exemplos. Quanto à leitura da Bíblia aos catorze,fui precoce, então. A Bíblia é, juntamente com a Odisseia ou a Ilíada os textos bases do cânone ocidental. E, poderão me perg…