Boletim Letras 360 #45


A vergonha nacional exposta. No dia posterior as celebrações do Natal de 2013, mais um ato de vandalismo ao monumento mais visado do Brasil: a estátua de Carlos Drummond, em Copacabana, Rio de Janeiro, foi pichada por casal já identificado como "empresários" de Minas Gerais.

O último de 2013. Está mais magro do que o costume. Compensa-se. Dizem por aí que ainda mal nos recuperamos da gordura e já estamos abrindo espaço para a engorda do Ano Novo... Estamos desejosos de que o ano que segue será assim, gordo de coisas boas, sobretudo, de boas leituras. Enquanto isso, vamos saber o que foi notícia ainda neste restinho de ano ocupado com listas e mais listas disso e daquilo. Continuamos a fazer as nossas que serão postadas aqui no dia 31. Fora isso, lista só a das melhores postagens, que estamos a percorrer desde o início da semana até meados de janeiro. Isso no Facebook. É só acompanhar a hastag  #RetroDoLetras2013.

E uma vez falarmos sobre nossa página no Facebook, não custa repetir por aqui o aviso que deixamos por lá, pedindo do leitor atenção redobrada para o caso:

Depois da política da restrição de crescimento das páginas instituindo ciladas à distância do leitor mediano no uso do Facebook e criando preços para alavancar postagens, a rede de Mark Zuckerberg, armou outra cilada. Agora, para além de ser amigo de uma página e saber de tudo o que aí se passa, é necessário clicar na opção <seguir>. Fica o alerta aos amigos do Letras in.verso e re.verso e o pedido de que repassem adiante essa informação.


Segunda-feira, 23/12

>>> Brasil: Ariano Suassuna cai no frevo em 2014

O maior bloco de rua do mundo, o Galo da Madrugada, homenageia o escritor. A camisa oficial do bloco traz estampas de figuras que fazem alusão às obras do escritor; além da blusa, um CD, Frevo no auto do reino de Ariano, composto de faixas inspiradas na vida e obra de Ariano; e no desfile o Galo trará carros alegóricos criados pelo cenógrafo Ary Nóbrega com elementos inspirados nos romances de Ariano: o abre-alas, seguido pela Pedra do reino, Carro da cavalgada e o Auto da compadecida.


Terça-feira, 24/12

>>> Brasil: O que esperar do Cinema em 2014?

A partir de uma lista feita pelo jornal Folha de São Paulo fizemos um breve recorte de filmes que poderão ser considerados bons filmes:  Ninfomaníaca - Volume 1, com estreia para o dia 10 de janeiro; A Menina que Roubava Livros (31 de janeiro); Ninfomaníaca - Volume 2 (sem data em março); Sin City 2 - A Dame to Kill For (21 de março); Malévola (30 de maio); Planeta dos Macacos - O Confronto (25 de julho).


Quarta-feira, 25/12

>>> Brasil: A estátua de Carlos Drummond vandalizada 

Eis o triste retrato pós-celebrações de Natal. Instalada na orla de Copacabana (Rio de Janeiro) em 2002 pela passagem do centenário de nascimento do poeta, a estátua que já teve em nove ocasiões outros tipos de vandalismo, como o de roubo dos óculos, foi agora pichada por um casal. Toda a ação pode ser vista a partir das imagens capturadas pelas câmeras de monitoramento da orla. As imagens servirão no indiciamento dos dois por dano ao patrimônio público.


Quinta-feira, 26/12

>>> Brasil: 2014 será o ano de Antonio Callado

Entre os leitores mais interessados pela literatura brasileira ao menos terão ouvido falar de um título do escritor: Quarup. Este e toda sua obra será reeditada pela José Olympio a partir de fevereiro ou março. E é com Quarup e A assunção de Salviano que a nova coleção será aberta. Ao todo, serão relançados nove romances, sete volumes com as peças de teatro e um com ensaios e crônicas – um título por mês. É interesse da editora recuperar nessa reedição textos de Ênio Silveira e Ferreira Gullar e publicá-los como posfácio ou orelha. Outra ideia é convidar jovens escritores para também escreverem sobre o autor e sua obra, cujo projeto gráfico é assinado por Carolina Vaz.


Sexta-feira, 27/12

>>> México: Toda obra de Octavio Paz será reeditada

O Fondo de Cultura Económica (FCE), a mais importante editora mexicana, prepara uma nova edição das obras completas do poeta e ensaísta. Isso para marcar a passagem do centenário de seu nascimento. Além disso, Paz terá uma "wikibibliografía crítica" planejada pela FCE que estará alojada no site octaviopaz.mx que atualmente é construído pelo Ministério da Cultura. O destaque é que a FCE é parceira da Cosac Naify na reedição de alguns textos de Paz no Brasil. Se consolidará essa parceria a ponto de fazer a obra do escritor integralmente conhecida no país?

>>> Brasil: Novo romance de Pepetela em edição

Já somam quatro títulos do angolano Pepetela trazidos ao Brasil pela LeYa. Para janeiro de 2014, a editora prepara-se para colocar no mercado O Tímido e as Mulheres, romance que narra um triângulo amoroso entre Heitor, um tímido escritor, Marisa, locutora de rádio, e Lucrécio, seu marido preso a uma cadeira de rodas. O romance marca o novo ciclo temático na escrita de Pepetela, que é o de dar a ver uma Luanda contemporânea.


..........................
Sigam o Letras no FacebookTwitterTumblrGoogle+Instagram


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Cinco livros para conhecer a obra de William Faulkner

Essa estranha instituição chamada literatura: uma conversa com Jacques Derrida

Os melhores diários de escritores

Lolita, amor e perversão

O conto da aia, o pesadelo de ser mulher numa teocracia

Os ventos (e outros contos), de Eudora Welty

Há muitos Faulkner

O primeiro conto de Ernest Hemingway

Kazuo Ishiguro, Prêmio Nobel de Literatura 2017

Onze livros sobre escravidão e racismo na literatura estadunidense