Postagens

Mostrando postagens de Julho 25, 2013

Uma dama em Paris, de Imar Raag

Imagem
Parte da crítica terá se esforçado para uma recepção ao menos fria sobre esse último trabalho de Ilmar Raag. Mas, peço licença para ir em direção contrária e ensaiar outro esforço, o de uma recepção calorosa ao filme. Uma dama em Paris é o terceiro longa do diretor que já dirigiu e escreveu para a televisão August 1991, sobre a tentativa de repressão da independência estoniana pelos russos e Klass, sobre um estudante em defesa de seu colega vítima de bullying numa sala de aula. E nesse contexto, o filme é o mais diferenciado já produzido por ele. Produzido numa parceria larga, aliás, entre Estônia, seu país de origem, Paris e Bélgica. Em cena a grande atriz do cinema francês, Jeanne Moreau, no alto de seus 85 anos e que, diga-se, é também a responsável pela inteireza do filme de uma ponta a outra.
Jeanne é quem interpreta Frida, uma idosa que teve grande vida artística, mas o gênio forte terá reduzido ela a uma presença sozinha numa casa em Paris. Frida não é francesa, é estoniana, e…