Postagens

Mostrando postagens de Setembro 12, 2013

Os amantes passageiros, de Pedro Almodóvar

Imagem
À primeira vista poderá parecer que deveremos estar diante de uma comédia pastelão; um filme com cara de produção barata regada a um humor escrachado. É bom ficarmos apenas com a segunda impressão. Não se pode zombar de quem tem o pleno domínio sobre aquilo que faz. E mesmo que se desvincule o nome de Pedro Almodóvar do filme, ainda assim sobrarão considerações eficazes para dizer que não está o telespectador perdendo noventa minutos de seu precioso tempo para ver uma coisa qualquer. É evidente que há momentos um tanto fracos da narrativa, como se parecesse estarmos diante de um diretor que quis esticar ao máximo uma cena para enfim alcançar o limite de tempo para um longa-metragem. O que, entretanto, não é bem o caso.
Também quem está adaptado às últimas produções do diretor espanhol, como o surreal A pele que habito ou trabalhos como Má educação, Fale com ela, terá sua surpresa, mas não poderá condenar o diretor, mesmo porque Almodóvar só é Almodóvar pelas primeiras produções em mu…