Postagens

Mostrando postagens de Agosto 7, 2014

Dentro de ti ver o mar, de Inês Pedrosa

Imagem
Por Pedro Fernandes


Dentro de ti ver o mar. A expressão de um romantismo erótico latente é, pode-se dizer também tema do romance de igual nome; nome trazido de um verso de um fado escrito e interpretado por uma de suas personagens. Esse exercício literário, logo se vê, engendra uma capacidade criativa que Inês Pedrosa tem desenvolvido em outros textos já de longa data conhecidos de parte do público brasileiro. Como quem leu alguns dos seus romances – Fazes-me falta, A eternidade e o desejo, Os íntimos – digo mesmo que é possível visualizar neste novo título a consolidação de uma escrita sobre a fugacidade dos novos tempos.
Tratar da relação amor-erotismo sem se reduzir a um dos polos, isto é, sem se deixar cair na via dos amores comuns já dessecados a torto e a direito nos romances água-com-açúcar ou não cair no extremismo do palavreado pornográfico, é uma grande prova de escrita para qualquer escritor cuja carreira ainda está em processo de elaboração. Inês equilibra-se por sobre o f…