Postagens

Mostrando postagens de Abril 21, 2015

O bicho de Franz Kafka

Imagem
Em 22 de novembro de 1912 Max Brod, o amigo íntimo que desobedeceu a ordem de Franz Kafka de queimar todos os seus manuscritos quando morresse, escreveu a Felice Bauer, a noiva do escritor. Tentou explicar que o autor passava por uma má época e que seus pais não eram conscientes de que para um ser excepcional “são necessárias condições igualmente excepcionais para que sua delicada espiritualidade não se apague”.
Esse ser excepcional, frágil, tremendamente nervoso, básica e fundamentalmente obcecado pela escrita redigiu entre 17 de novembro e 7 de dezembro de 1912 uma das obras-mestras da literatura de todos os tempos. Publicou anos depois, em 1915. Assim, o ano corrente assinala a passagem de um século de vida daquela singular história que se inicia quando o caixeiro viajante Gregor Samsa, “depois de despertar de um sonho intranquilo”, descobriu que havia se transformado “num monstruoso bicho”.  A Companhia das Letras, que edita há alguns a obra no Brasil, aproveita a ocasião e publi…