Postagens

Mostrando postagens de Maio 27, 2015

Os Cavalinhos de Platiplanto, de José J. Veiga

Imagem
Por Leila D. P. do Amaral



José J. Veiga nasceu em 20 de fevereiro de 1915, em uma fazenda localizada entre os municípios de Corumbá de Goiás e Pirinópolis. O contato com a literatura aconteceu cedo. Ainda menino, leu todos os clássicos brasileiros e portugueses que o Gabinete Goiano de Leitura possuía em seus arquivos. Mais tarde, entrou em contato com autores estrangeiros e um, especificamente, Franz Kafka, marcou-o profundamente. Veiga se apaixonou pela obra desse escritor tcheco e, a exemplo dele, criou histórias em que a realidade aparece transfigurada. A estréia na literatura aconteceu em 1958, com a edição dos contos reunidos em Os Cavalinhos de Platiplanto, um livro sobre memórias de infância.
Assis Brasil destacou em entrevista que “para José J. Veiga, o mundo é que está em face do homem, assim como a sociedade. O homem não é complexo, tem suas pequeninas normas de vida, sua conduta preestabelecida, é simples e despretensioso – o mundo e a sociedade é que o achacam, que o inve…