Postagens

Mostrando postagens de Novembro 26, 2015

Verdade ao amanhecer, de Ernest Hemingway

Imagem
Por Pedro Fernandes

Contam os registros sobre a aparição de Verdade ao amanhecer, de Ernest Hemingway, em 1999, que este foi um título marcado por uma série de burburinhos da mídia e com forte apelo midiático pelos grupos editoriais; também pudera, sempre quando morre um grande escritor fica a suspeita de que trabalhava em algo significativo e se, como foi o caso do estadunidense, nada é revelado nos primeiros anos mas só muito tempo depois, poderá ser um livro de compilação com receitas de bolo e esse mal aterrador do capital que rege com fina força desde sempre, e hoje mais, o mercado das publicações, explora a descoberta ao limite.
Verdade ao amanhecer ficou por escrever. Hemingway começou a feitura do livro, mas depois de abandonar o projeto nunca mais voltou a ele. Todo o heroísmo que aí se revela foi interrompido primeiro pela corrosiva consciência da degeneração do corpo e da força pelo tempo e depois pelo seu suicídio. Isso muito mais tarde; antes, foram outros projetos que at…