Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro 4, 2016

O regresso, de Alejandro González Iñarritu

Imagem
Por Pedro Fernandes


O regresso é uma materialização do imaginário sobre o explorador estadunidense Hugh Glass, quem, pela vida que levou e os feitos heroicos converteu-se numa lenda popular; tanto que o trabalho conceituado de Iñarritu, louvado pela grandiosidade e pela beleza cinematográficas, não é o primeiro a reanimar os acontecimentos biográficos de Glass. É conhecido, dentre tantos outros, o poema “The song of Hugh Glass”, um dos cinco textos de tom heroico escrito por John G. Neihardt, este em 1915, o romance biográfico Lord Grizzly, de Frederick Manfred, finalista do National Book Award em 1954, o faroeste Fúria selvagem, de Richard C. Serafian, de 1971, e, mais recente, a reimaginação de Michael Punke no livro que serviu de propulsor ao filme de agora O regresso.
Possivelmente Iñarritu deva ter se alimentado, além das histórias populares que ouviu ou leu sobre Glass, de todas essas referências dado o seu aguçado senso de tornar crível, da maneira mais natural possível, os aco…