Postagens

Mostrando postagens de Junho 29, 2016

A literatura mascarada do Sr. Junichiro Tanizaki

Imagem
Por Manuel Lavaniegos


Em 2009, a Companhia das Letras publicou reunidas num só volume as traduções de Dirce Myamura para duas novelas do grande escritor japonês Junichiro Tanizaki: A vida secreta do Sr. de Musashi e Kuzu, ambas publicadas pela primeira vez em 1931. Na ocasião, justificou-se brevemente que a edição conjugada reafirmava a predileção do escritor, dentre sua vasta obra, por esses dois títulos. Junichiro Tanizaki (1896-1965) é considerado por muitos como a pedra angular do romance contemporâneo no Japão ao lado de figuras decisivas como Mori Ōgai, Natsume Soseki, Ryūnosuke Akutagawa, Yasunari Kawabata, Yukio Mishima e Kobo Abe. Tanizaki tem contribuído com um papel de protagonista no dramático entrecruzamento da cultura e da arte do Oriente e do Ocidente, na modernização-devastação do século XX.
Dos muitos livros já publicados aqui no Brasil até o presente vale mencionar As irmãs Makioka, Voragem, Há que prefira urtigas, Amor insensato, A chave, Naomi, Diário de um velho l…