Novidades sobre o caderno-revista 7faces

Por Pedro Fernandes




1. Quero antes agradecer a todos os que contribuíram para o volume 01 deste caderno-revista, parte de uma rede maior a que denominei de 7faces. Neste intervalo de pouco mais de um mês de quando a ideia foi lançada recebi contribuições de poetas de vários estados do Brasil; terei agora a grande responsabilidade de lê-los, um a um, e ver aqueles que serão matéria da primeira edição. 

2. O caderno-revista 7faces é uma ideia em construção; primeiro, pensava em formá-lo apenas com poemas, isso se expandiu e vou usar da liberdade para já neste número lançar números temáticos, que, por este fato, dará abertura ao espaço para a recepção de outros textos de outros gêneros, sobretudo os do ensaio, do artigo acadêmico. 

3. Agora, a título de evitar sobrecarga porque, claro, é ainda um trabalho conduzido a duas mãos (para a leitura, a edição, a formatação, a distribuição e divulgação desse material), darei preferência aos convites e não às submissões de textos. Futuramente, quem sabe, seja montado um corpo de editores e daí sim poderá abir para a participação além dos convites. 

4. Devido este fato, de o caderno-revista abre espaço a outras seções, retifico o item das regulagens que dizia ser 50 o número de poetas partícipes no volume para 15 nomes no máximo. Tamanha redução se dá também pelo fato de que um dos critérios de publicação levará em conta a produção poética de poetas em relação à linha temática que deverão seguir os números dos cadernos, além do limite de páginas planejado para fechamento dos volumes. Mas, asseguro que todas as contribuições poderão vir compor os números subsequentes, caso não saiam neste volume primeiro; como já mencionado nas regulagens, estes deverão compor um banco de dados para os volumes subsequentes.

5. Novidades a mais é que o caderno-revista já deverá sair em sua primeira edição com o registro ISSN, permitindo assim aos partícipes da ideia a possibilidade de fazer registro de suas publicações em determinadas bases curriculares, como as do Currículo Lattes. 

6. A publicação, bem, trabalho para que esta edição esteja pronta até o fim do mês de agosto. Uma vez pronta, todos os partícipes dela e contatos outros da minha caixa de emails que receberam o lance da ideia receberão em anexo o caderno-revista, que ficará permanente para download no espaço 7faces, através do site.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A religiosidade clandestina de Hermann Hesse

Pablo Neruda: o que não dá mais para ocultar

Água viva, de Clarice Lispector

Apontamentos sobre alguns textos curtos de Tolstói

Boletim Letras 360º #231

Quando Borges era Giorgie

Salinger, um grupo de psicopatas e os do MKUltra

A filha perdida, de Elena Ferrante

Gostamos de causar danos (com o grande romance estadunidense)

Jane Austen: casamento e dinheiro