Casa Lena Gal

Por Pedro Fernandes

© Lena Gal. A artista ganha um espaço que primará pela preservação do seu trabalho.



O ato não poderia passar despercebido. Recebi a notificação em minha caixa de e-mails e divulgo por aqui com grande satisfação.


A artista plástica Lena Gal, de Fenais da Ajuda, concelho Ribeira Grande, Açores, Portugal, é, como se diz, uma artista de mão cheia; ela foi quem gentilmente cedeu um de seus trabalhos para a ilustração da capa de Retratos para a construção do feminino na prosa de José Saramago, meu livro que deve sair em breve. E só deixo aguçada a curiosidade: a arte desenvolvida pelo capista que preserva em sua integridade o trabalho de Lena ficou muito bacana, mas só devo postar por aqui noutra ocasião, mais oportuna.

A notificação que recebi de Lena é que agora, dia 30 de junho de 2012, pelas 19h30, ela abre uma exposição que inaugura a Casa Lena Gal, lá mesmo em Ribeira Grande. A casa, que abrirá junto ao Museu da Emigração abrigará um conjunto de trinta trabalhos oferecidos pela artista, além de uma exposição permanente com sua bibliografia, documentos e fotografias que proporcionarão aos visitantes um melhor conhecimento da vida e da sua obra. Lena tem no currículo exposições em vários lugares da Europa.

É, uma honra, primeiro, está próximo do trabalho da artista, segundo, poder notificá-lo, sempre que tiver ao meu alcance.

A imagem que ilustra o post tem o traço típico da artista, o mesmo traço que se vê na capa de Retratos, mas não é a arte que estará na capa, ainda; a imagem veio em anexo à notificação gentilmente enviada por Lena.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Cinco livros para conhecer a obra de William Faulkner

Os melhores diários de escritores

Essa estranha instituição chamada literatura: uma conversa com Jacques Derrida

Lolita, amor e perversão

O conto da aia, o pesadelo de ser mulher numa teocracia

Os ventos (e outros contos), de Eudora Welty

O primeiro conto de Ernest Hemingway

Há muitos Faulkner

Kazuo Ishiguro, Prêmio Nobel de Literatura 2017

Boletim Letras 360º #239